idk Soluções em Gestão Educacional

Av. Piraporinha, 570 - CEP 09891-001

São Bernardo do Campo

CNPJ: 26.703.202/0001-93

© 2020 por idk Soluções

Siga-nos nas redes sociais

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon

Marketing Digital Para Escolas: Um Aliado na Captação de Alunos

Veja o que considerar para desenvolver uma boa estratégia de marketing digital para potencializar a captação de alunos na sua escola!



Leitor, me responda: como você compra um produto ou serviço atualmente?


Com raras exceções, pois elas existem para confirmar a regra, você, eu e qualquer outra pessoa faz o seguinte trajeto: pega o celular, acessa o Google, procura o produto ou serviço, faz o contato e realiza a compra.


Esse trajeto é realizado em grande parte das compras de produtos ou serviços atualmente.


Mesmo que a efetivação da compra não seja por meios digitais, o processo de escolha e análise geralmente o é.


Isso vale para produtos tecnológicos, para carros, para roupas, para o entretenimento (essa indústria é uma das que mais sofreu mudanças nos últimos anos) e até para a educação.


Sim, a educação entra nesse mesmo trajeto.


Então, ter presença on-line não é mais uma escolha. É uma necessidade.


Para sobreviver em um mercado cada vez mais concorrido e igual, a presença digital é de fundamental importância para colégios e cursos privados.


E não é qualquer presença digital.


Tem que estar presente com estratégia.


Para isso, vamos lhe ajudar com algumas dicas para desenvolver uma boa estratégia de marketing digital.


E, assim, conseguir atrair mais interessados para a sua instituição de ensino.


Marketing Digital é Uma Parte do Todo:


O primeiro ponto a ser considerado, que é sempre bom frisar, pois não podemos tratar a presença digital como algo separado da estratégia de marketing da instituição.


O marketing digital deve ser parte da estratégia de marketing da sua escola, e não toda a estratégia.


Até porque, nós sabemos que a indicação ainda é o principal motor de captação da maioria das instituições de ensino (seja básico, superior ou livre).


Por isso a estratégia de marketing deve considerar também a fidelização de alunos, a captação através da indicação e o marketing off-line, muitas vezes usado tanto na fidelização, quanto na captação por indicação.


Uma estratégia que não contemple as ações de fidelização, de indicação e off-line pode não trazer o resultado esperado.


Analise e Aprenda com Seus Erros:


A não ser que você esteja iniciando uma escola nesse exato momento, ou que sua escola nunca tenha tido presença digital, você tem uma boa oportunidade pela frente: a de aprender com o que deu errado no passado.


E, de novo, considere esse ponto para toda a sua estratégia.


Avalie quais foram os principais canais de atração, quais tiveram o melhor custo-benefício e quais foram não trouxeram um resultado significativo.


Nesse ponto, é interessante treinar bem a sua equipe para uma pergunta de extrema importância no primeiro contato com o potencial cliente: "como conheceu nossa escola?".


As respostas a esta pergunta ajudarão na gestão do marketing e na definição dos investimentos ao longo do tempo.


Para mensurarmos bem o resultado do investimento, é crucial que tenhamos a resposta a esta pergunta coletada em todo novo contato (e, se possível, confirmada nos contatos posteriores).


Dessa forma será possível avaliar o bom e o mau investimento, e redefinir sua estratégia de tempos em tempos.


Saiba Com Quem Você Está Falando:


Você já viu essa situação: alguém, que se acha muito importante, pergunta para outra pessoa "Você sabe com quem você está falando?" durante uma discussão.


Imagine, agora, que esse alguém muito importante é o seu cliente (e acredite, ele é muito importante), mas que você e ele não estão em uma discussão. Estão se relacionando como cliente e instituição de ensino.


Saber com quem sua escola está falando é fundamental para direcionar bem sua comunicação, seja on ou off-line.


No marketing digital dá-se o nome de Definição de Persona.


Que nada mais é do que descrever o perfil de cliente ideal, ou de clientes ideais, para a sua instituição.


Saber quem são, onde moram, o que gostam de fazer, como gostam de se comunicar, qual sua formação e, principalmente, onde consomem informações.


Definir sua Persona vai ajudá-lo a se comunicar melhor com o cliente ideal para a sua instituição e, como consequência, ajudar na atração de novos clientes com o mesmo perfil.

Leia Também:

Sete Erros Para Não Cometer na Campanha de Matrículas


A Base do Marketing Digital Deve Ser...


Se você pensou no Google, sinto lhe informar, mas você deve rever esse conceito.


Se você pensou em alguma das redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter ou qualquer outra), sinto muito novamente, mas você também deverá rever esse conceito.


A base da sua estratégia de marketing digital deve ser o bom e velho site da sua escola.


O site é a representação do endereço físico da sua instituição na web e deve ser a base da sua estratégia de marketing digital, tal como as instalações da sua escola são a base da sua estratégia como um todo.


Tecnicamente falando, o site deve se adaptar aos diferentes tipos de dispositivos (ou seja, ele deve ser responsivo), deve ser configurado de acordo com as principais palavras-chave que definem sua instituição (ou seja, deve ter um bom trabalho de SEO) e ele precisa direcionar o usuário para a ação que você deseja (ou seja, deve ter CTA's).


Marketeiramente falando, o site deve apresentar a proposta pedagógica do colégio, deve ter boas fotos da infraestrutura (dos alunos só se você tiver autorização para tal), deve apresentar os cursos, horários, principais características e, com um bom destaque, ter as informações de contato.


Além disso, contemplá-lo com um blog, igual a este aqui que você está lendo esse conteúdo, é essencial para gerar tráfego e manter o site da sua escola atualizado, duas características para ser encontrado pelo Google (e por outros buscadores também).


Capriche no site da sua escola como vocês capricham na infraestrutura física dela.


Conviva Socialmente Com Seu Público:


As redes sociais são a principal forma de interagir com a sua comunidade.


Ao menos no mundo digital.


E são também, importantes ferramentas para manter o nome da sua instituição na cabeça do mercado e, assim, trabalhar seu posicionamento.


Por isso, a estratégia deve contemplar as redes sociais com esses dois principais focos: interagir com os clientes que já estão na sua instituição; e manter-se aos olhos do público que ainda está fora dela.


E para realizar essa estratégia são necessários alguns cuidados:


  • Alterne o tipo de conteúdo que é postado (atividades internas, datas comemorativas, notícias sobre conteúdo de interesse dos pais, postagens do blog, entre outros);

  • Evite postagens com muitas fotos (o Instagram já faz isso automaticamente);

  • Busque formas de direcionar seu público para o site;

  • Vídeos geram grande engajamento do público;

  • Faça campanhas de divulgação da marca, das matrículas, da prova de bolsa (se houver),

Avalie, de acordo com o perfil traçado na Persona, quais as principais redes sociais que seu público utiliza e marque presença nelas.


Temos que estar onde nosso cliente está, inclusive digitalmente.


Se Puder, Invista:


Nesse ponto, vale uma importante advertência: o investimento em mídias digitais, tal como qualquer outro investimento que sua instituição venha a fazer, deve ser muito bem planejado e dentro dos limites financeiros da sua instituição.


Isto posto, sua escola pode utilizar dois caminhos para investir em marketing digital: as redes sociais e o Google.


As redes sociais permitem você se comunicar ativamente com um público que ainda não acompanha sua instituição, através das campanhas de impulsionamento.


Essas campanhas servem para levar o conteúdo da sua marca a consumidores que estejam dentro do perfil predeterminado (a Persona, lembra?).


Por ter um caráter mais ativo, a campanha de impulsionamento nas redes sociais visa manter a marca na mente do público consumidor e atraí-lo para sua instituição no momento de captação.


Já o Google possui um caráter mais passivo, pois necessita de uma ação prévia do usuário (a busca) para apresentar seu conteúdo (seja de forma paga ou gratuita).


Mas não pode ser ignorado em uma estratégia de marketing digital.


O Google permite tanto a divulgação paga na rede de pesquisa (quando o usuário digita um termo configurado como palavra-chave), quanto na rede de display através do remarketing (que ocorre quando, após uma busca por algum produto ou serviço, você vê diversas propagandas daquele produto ou serviço em outros sites).


O grande diferencial ao se investir no Google é a possibilidade de falar com quem realmente está procurando por uma escola.


Por isso não se deve ignorá-lo dentro da estratégia de marketing digital.


Defina Metas e Acompanhe as Métricas:


Ao fazer tudo isso, voltamos ao primeiro ponto desse post, agora de uma maneira mais estruturada.


Pois somente definindo metas e acompanhando as principais métricas para gestão da sua campanha de marketing digital é que você poderá, na próxima campanha, avaliar o que deu certo e o que pode ser melhorado.


Vale, portanto, a reflexão: onde minha instituição quer chegar com todo esse investimento?


Definir uma meta para o investimento em marketing digital irá auxiliar na análise dos resultados e nas possíveis melhorias do processo no próximo ciclo comercial da sua instituição.


Por isso a definição das metas deve estar aliada ao acompanhamento das métricas.


Conte Com Um Parceiro:


Agora que você já sabe um pouco mais sobre o marketing digital, aqui vai um conselho: foque suas ações na prática pedagógica da sua instituição e conte com um parceiro para a gestão do marketing digital da sua escola.


E a idk Soluções é a parceira ideal para isso!


Fazemos um trabalho customizado para as necessidades da sua escola, entregando um resultado que só sua instituição vai ter.


Fale conosco!